Diário do Olivier - Receitas da Bocaina vira livro

Diário do Olivier – As receitas da Bocaina traz uma seleção especial de receitas apresentadas por Olivier em seu programa no canal GNT.

Introdutor da padaria de estilo francês no Brasil e à frente do Diário do Olivier, do canal GNT, desde 1999, Olivier Anquier lança seu primeiro livro de receitas, inspirado no período em que explorou de maneira única e apaixonada os pratos da cozinha tradicional brasileira.

O livro Diário do Olivier — As receitas da Bocaina nasceu na serra da Bocaina, um lugar paradisíaco no Vale do Rio Paraíba, onde o cozinheiro mantém com sua família uma casa de campo desde 1999. No grande fogão a lenha instalado ao centro da sala, Olivier colocou em prática o fruto das pesquisas culinárias que trazia de suas viagens aos mais diversos rincões do Brasil e também a outros países. Histórias, tradições, cultura, folclore e a paixão de Olivier pelo Brasil são indissociáveis dos ingredientes de cada criação na sua cozinha —detalhes que não poderiam ficar de fora no livro.



Além do cenário muito particular do Diário, com destaque para a casa da Bocaina e o famoso fogão a lenha, a obra traz dicas e pequenas lembranças pessoais grifadas em amarelo, enquanto os passos importantes de cada receita são destacados em negrito. Há também um completo manual de pesos e medidas para esclarecer dúvidas na hora de cozinhar.

➥ Leia também: Livros de gastronomia: "Cachaças de Minas" (Léo Sousa)

Colocando-se no lugar do leitor, pensando no que gostaria de encontrar no livro e na melhor maneira de utilizá-lo, Olivier selecionou opções versáteis, apresentando acompanhamentos que podem, perfeitamente, se tornar pratos principais. A novidade também está na possibilidade de executar receitas vegetarianas, usando diferentes ingredientes e sabores como alternativas indicadas pelo cozinheiro.

“Com muita honra, alegria e prazer, entrego a você mais este trabalho. Já estava mais que na hora de ‘colocar a mão na massa’ e concluir esta pesquisa de anos, que reúne mais de cem receitas que foram sucesso no canal GNT, quase que desde sua criação. Não foi fácil selecionar e separar as melhores com o cuidado de contemplar quase todas as categorias que a culinária oferece”;

Afirma Olivier na apresentação do livro, espaço também dedicado a um resumo da sua biografia. O Diário do Olivier é exibido semanalmente no GNT, toda quinta, às 21h.

Olivier tem o Brasil como o ponto da virada em sua vida. O país que o encantou, desde sua primeira visita, em 1979, aos 20 anos de idade, foi o lar que ele escolheu, mais tarde, para seguir sua vocação profissional. Com o sucesso e reconhecimento da primeira padaria francesa, criada por ele em 1995, em São Paulo, o francês mais querido do Brasil ajudou a revolucionar a história do pão no país.

Pelas estradas do Brasil ele foi ao encontro de pessoas em diferentes ambientes sociais, descobrindo a riqueza culinária do país e a identidade cultural brasileira. Olivier não se considera chef e, sim, um cozinheiro que trouxe da França, seu país de origem, segredos da base da culinária francesa aprendidos com os pais e avós. A partir dessa formação, passou a interpretar em sua cozinha, com seu jeito simples, os ingredientes e os momentos que compartilhou durante as viagens.

➥ Leia também: Vinicius de Moraes na cozinha? - livro: "Pois Sou um Bom Cozinheiro"

Conhecida por suas belezas naturais, a Reserva da Bocaina, no Vale do Paraíba, encantou Olivier também por sua história. Com um passado rico e por ter sido uma das principais regiões produtoras de café do Brasil até 1929, abriga centenas de fazendas e construções em ruínas.

Depois de um ano dispendido até encontrar seu “pedaço no paraíso”, uma pequena colina em meio a uma grande fazenda, Olivier levou mais dois anos, entre pesquisas e projetos, para construir a casa. Sonhava em criar algo autêntico no local, levando em conta a preservação e a valorização do passado. Decidiu ir em busca de uma ruína e reconstruí-la em sua colina obedecendo os padrões da época.

É lá que está o precioso fogão a lenha (sonho em ter um fogão igualzinho - um dia!) do Olivier, construído sob os mesmos conceitos da casa, com o intuito de, segundo Olivier, alcançar a emoção do brasileiro. O fogão a lenha, símbolo cultural e também um meio de restar as suas emoções da infância, “traz uma história em seu formato, dando aos olhos o prazer do caseiro misturado ao histórico.

Diário do Olivier — As receitas da Bocaina | Autor: Olivier Anquier | Gênero: Culinária | 208 Páginas | Formato: 18 x 24 cm ISBN: 978-85-250-6177-5 | Editora: Globo Estilo | Preço: R$ 49,90.

Imprimir esta receita ;-)
OQueComerHoje?        Instagram @oquecomerhoje    Receitas OQueComerHoje? - Fotos de Comidas   www.oquecomerhoje.net
Ads
Este artigo pertence ao OQueComerHoje?. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fez a receita? Gostou? Modificou alguma coisa? Conte-me sua experiência.

Mais receitas...